Dicas de Iluminação Residencial

A diferença entre uma casa e um lar são as sensações que cada uma delas desperta em cada um de nós.

Quem não ama um ambiente lindo e todo charmoso para chamar de seu? Quando sua casa tem um que um bom projeto de iluminação residencial é esse o resultado alcançado.

O que para muitos pode parecer um mero detalhe, para a arquitetura de interiores a iluminação de um ambiente tem o poder de tornar o espaço mais elegante, aconchegante e ainda de realçar e combinar detalhes que transformam tudo ao redor.

Então, que tal conhecer ideias criativas e funcionais para deixar seu ambiente do jeito que você sempre sonhou?

Confira abaixo o que separamos pra você:

1- Sala

Aqui, o projeto de iluminação residencial vai depender do destaque que o arquiteto e cliente querem dar a objetos que compõem a decoração. Para essa finalidade, pendentes ou arandelas embutidas são a melhor opção. Lembrando que, por ser um ambiente amplo, a sala precisa de iluminação suficiente para o seu tamanho evitando penumbras quando as luzes principais estiverem ligadas. Spots são perfeitos para isso.

2- Cozinha

Esse é o cômodo da casa que pode ter luzes indiretas e decorativas, mas que jamais pode faltar uma luz forte, clara e eficiente. Na maioria dos projetos de iluminação, essa luz deve ser branca, pois se trata de um ambiente que requer cuidado, zelo e atenção.

3- Banheiro

Esse é um ambiente que vai de 0 a 100 com apenas o apagar das luzes ( algumas delas). Luz clara direcionada para o box, luzes auxiliares no espelho (caso seja utilizado para maquiagem) e luzes difusas para deixar o ambiente mais relaxante na hora do banho.

4- Quarto

O lugar mais relaxante da casa pede luzes quentes e pontuais para deixar o clima propício para a hora do seu descanso, ou para uma leitura tranquila antes de dormir. 

5- Área gourmet

Brinque à vontade! Quando seu arquiteto for planejar o projeto de iluminação da área externa da sua casa, permita que ele explore bastante o ambiente e as possibilidades para criar sombras e exaltar o paisagismo.

Não se esqueça que além de valorizar a arquitetura e explorar a beleza dos detalhes da sua casa, o projeto de iluminação deve conter outros itens que vão além da estética do ambiente.

O tipo de iluminação ideal; a temperatura da cor; a intensidade da luz e a posição das lâmpadas, também são analisadas para que o resultado seja funcional para todos os ambientes.

Dica importante: 

Não se esqueça da conta de energia! 

Um design de iluminação bem feito vai despertar todas as sensações desejadas em cada cômodo. Mas não deixe de questionar sobre a escolha de cada lâmpada, optar por modelos mais econômicos e incluir isso no projeto de iluminação.

Gostou desse artigo? Clique aqui e descubra como desenvolvemos projetos personalizados com planejamento de obra completo e valor final da construção garantido.

Quer receber mais conteúdo como esse de graça?

Cadastre-se para receber nosso conteúdo por e-mail.

E-mail cadastrado com sucesso
Ops! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, verifique se o captcha está correto.

Diga o que está em sua mente

Seu endereço de e-mail não será publicado.